Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Girl About Town

“I like my money right where I can see it: hanging in my closet.” — Carrie Bradshaw

Girl About Town

“I like my money right where I can see it: hanging in my closet.” — Carrie Bradshaw

03
Abr18

Livro # 8 | O Jardim das Borboletas

IMG_20170927_220708.jpg

Sinopse

Perto de uma mansão isolada, encontra-se um jardim com flores exuberantes, árvores frondosas e... uma coleção de preciosas borboletas: jovens mulheres sequestradas e tatuadas para se parecerem com esses belos insectos. 
Quando o jardim é descoberto pela Polícia, Maya, uma das vítimas, ainda se encontra em choque e o seu relato está cheio de fragmentos de episódios arrepiantes, no limite da credibilidade. 
O que esconderão as suas meias palavras?

 

Andava tão entusiasmada para ler este livro, fiquei super interessada nele desde a primeira vez que ouvi falar nele.

Estava parado há imenso tempo na estante à espera da altura ideal para ser lido, o que aconteceu no mês passado.

Este livro conta a historia de uma jovem que esteve presa, sequestrada durante imenso tempo, num jardim de borboletas, borboletas humanas, raparigas que foram raptadas e depois tatuadas para se parecerem com borboletas.

Foram raptadas por um homem a que chamam jardineiro.

Só isto já parece suficiente para o livro ser bem macabro mas a verdade é que não achei isso, a forma como a historia é contada deixa-nos perplexos, incomodados com tudo o que o jardineiro e os filhos fazem a estas jovens mas ao mesmo tempo provoca sensações diferentes.

O facto do jardineiro lhes proporcionar todas as condições necessárias à sobrevivência, da-lhes acesso a varias coisas que elas gostam e que supostamente fariam com que fossem mais felizes ali é que é para mim macabro, na cabeça dele ele faz-las felizes.

Só que a suposta felicidade delas não dura muito pois no jardim as borboletas tem o seu prazo de validade.

Gostei de muitas coisas neste livro mas das principais foi ver que no jardim todas as borboletas se apoiam, podem existir desentendimentos  entre elas, gostarem mais de umas que de outras mas no final ajudam-se umas as outras e essa é uma mensagem que eu gosto sempre de ver passada por ai, que apesar das diferenças que possam existir entre elas as mulheres apoiam-se.

Gostei também do facto do livro começar com o interrogatório de Maya no FBI e nos vamos conhecendo todos os pormenores à medida que o livro vai avançando e no final temos sempre o fator surpresa.

É um livro muito, muito bom, super recomendo principalmente para os fãs de thrillers.

 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

2018 Reading Challenge

2018 Reading Challenge
Ana has read 5 books toward their goal of 60 books.
hide

A Ler

Links

  •  
  • Arquivo

      1. 2018
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2017
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2016
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D
      1. 2015
      2. J
      3. F
      4. M
      5. A
      6. M
      7. J
      8. J
      9. A
      10. S
      11. O
      12. N
      13. D