Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Girl About Town

Seg | 26.06.17

Ter um irmão emigrante

Há quase um ano que sou irmã de um emigrante, o meu irmão viajou para Inglaterra à quase um ano, pensei eu que por lá, pouco tempo havia de ficar.

Ao fim de quase um ano percebi que estava enganada, ele por lá vai ficando, vem nos visitar agora em Julho mas depois tão cedo não vem.

Percebi que o meu irmão é uma pessoa do mundo, que não se prende, quer conhecer tudo lá fora e Portugal a ele já não lhe diz nada.

E eu fico triste, fico triste pois percebi que não vou ver  o meu irmão tantas vezes como desejaria, provavelmente uma vez no ano o que para mim é pouco, muito pouco.

Percebi que quando tiver filhos eles não vão ter o tio tão presente, a minha mãe vai ter sempre aquele vazio no coração por não ver um dos filhos frequentemente.

Bem sei que emigrar não é fim do mundo e ele está feliz mas não consigo deixar de pensar que me falta uma grande parte de mim.