Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Girl About Town

Ter | 08.12.15

Pérolas no emprego # 9

Desde a última semana de Novembro que o híper tem estado completamente cheio, temos 32 caixas disponíveis, todas elas tem estado abertas e mesmo assim temos tido filas intermináveis.

A época natalícia aliada as promoções nos brinquedos, chocolates, bacalhau e bebidas têm levado muita gente às compras

Este domingo não foi diferente, tinha uma fila enorme na minha caixa e já tinha reparado que estava uma rapariga na fila bastante irrequieta, sempre a bufar e a reclamar das filas.

Esta rapariga era a cliente seguinte, antes dela estava a atender um casal que levava 12 garrafas de whisky, todas elas com alarmes, ou seja, tive que abrir 12 garrafas, tirar os alarmes e voltar a coloca-las nas caixas e fecha-las fora as outras compras que eles levavam.

Isto como é óbvio leva o seu tempo por mais rápida que eu seja.

A rapariga a certa altura vira-se para mim e pergunta:

 

A cliente: Ó menina vai demorar muito?

Eu: Tenho que abrir todas as garrafas, retirar alarmes e ainda passar os restantes artigos ainda vai demorar um bocado.

A cliente: A serio? Eu estou cheia de pressa estou na pausa do trabalho e a minha pausa não é para ser passada numa fila de supermercado, não tem nenhuma caixa prioritária?

Eu: Temos duas, uma em casa ponta mas sabe que as caixas prioritárias são para grávidas, pessoas com crianças de colo ou pessoas com necessidades especiais.

 

A rapariga nem me respondeu, quando chegou a vez dela nem olá, boa noite nada, só falou quando me disse que queria fatura com número de contribuinte ao que eu respondi ok e quando lhe disse o valor da compra olhou-me com um ar de arrogante e disse-me:

 

A cliente: Já lhe disse duas vezes que quero fatura com contribuinte.

Eu: Eu ouvi da primeira vez, aqui primeiro paga depois é que me dá o número de contribuinte.

 

E foi isto, fiquei meio parva porque a rapariga trabalha numa loja lá no shopping então devia ser mais compreensiva.

4 comentários

Comentar post